Notícias

04/10/2018

Cooperação técnica internacional será modelo de gestão de novo trabalho realizado pelo CBHSF

Prática inovadora promete somar experiências e saberes para uma irrigação agrícola sustentável

O esboço do Projeto de Cooperação Técnica entre o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), sobre Irrigação Agrícola na Bacia do São Francisco, foi apresentado nesta quarta-feira (3) por membros do Comitê, em Brasília (DF). O objetivo do projeto é buscar ações capazes de privilegiar as formas de conservação e gestão das águas superficiais e subterrâneas usadas para irrigação agrícola.

A parceria começou a ser desenhada em março, durante o Fórum Mundial da Água, e promete ser inovadora para os usuários da Bacia, além de exemplo de boas práticas para outros Comitês de Bacia. É o que explica o coordenador da Câmara Técnica Institucional e Legal (CTIL) do CBHSF, Roberto Farias.  

“Nós vamos abrir as portas para que outros Comitês também adotem essas práticas, este é o resultado de uma ideia que está sendo colocada em prática para o bem estar do usuário”, avalia Roberto.  

Segundo o professor da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Melchior Carlos do Nascimento, que trabalhou na formulação do documento, o CBHSF pretende atuar em duas frentes, capacitando os usuários irrigantes e tornando-os referência para atuação em boas práticas sobre tema em diferentes regiões do São Francisco. “Precisamos alcançar os usuários. Essas pessoas precisam de uma orientação para que elas reconheçam sua importância e seu papel dentro destas práticas sustentáveis”, afirmou.

“O projeto passou por toda uma avaliação jurídica para atender às especificidades de um acordo de cooperação internacional”, explicou Gertjan Beekman, coordenador da área de Agricultura, Gestão Sustentável dos Recursos Naturais e Adaptação à Mudanças Climáticas.

Também participaram da reunião Francisco Campello, do Ibama de Pernambuco, para dar suporte ao CBHSF com a experiência do órgão em cooperação internacional, e membros do IICA.

Após os ajustes, o CBHSF apresentará o Projeto à Agência Brasileira de Cooperação (ABI), ligada ao Itamaraty. A expectativa é que o projeto comece a funcionar no início de 2019. O prazo para execução é de quatro anos.   

Cooperação Internacional – A cooperação técnica internacional constitui importante instrumento de desenvolvimento, auxiliando um país a promover mudanças estruturais nos campos social e econômico, incluindo a atuação do Estado, por meio de ações de fortalecimento institucional. Os programas implementados sob sua égide permitem transferir ou compartilhar conhecimentos, experiências e boas práticas por intermédio do desenvolvimento de capacidades humanas e institucionais, com vistas a alcançar um salto qualitativo de caráter duradouro.

IICA – O IICA é um organismo especializado em agricultura do Sistema Interamericano que apoia os esforços dos estados membros em sua busca pelo desenvolvimento agrícola e pelo bem-estar rural. Sua missão é incentivar, promover e apoiar os esforços dos Estados membros para conseguirem seu desenvolvimento agrícola e bem-estar rural por meio de cooperação técnica internacional de excelência.

*Texto e Fotos: Priscilla Atalla

Compartilhe:

Outras notícias

11/10/2018

Anivaldo Miranda é convidado especial da Semana de Agronomia da Ufal

O presidente do Comitê da bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), Anivaldo Miranda, foi o convidado especial da Semana ...

Leia mais

11/10/2018

Jornal Travessia – edição de outubro/2018

A edição online da 18ª edição do Jornal Travessia do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) já ...

Leia mais