Notícias

13/11/2017

Circuito Penedo de Cinema premia vencedores com R$ 41 mil

A Piscina de Caíque foi o grande vendedor da 4º Mostra Velho Chico de Cinema

O Circuito Penedo de Cinema nesta edição de 2017 bateu recorde de público reunindo aproximadamente 15 mil pessoas. Um dos destaques da programação foi a 4ª Mostra Velho Chico de Cinema, que reuniu 11 curtas-metragens, onde todos possuíam o objetivo de apresentar questões voltadas ao meio ambiente e a preservação do Rio São Francisco. Quem levou o primeiro lugar para casa foi o filme “A Piscina de Caíque”, do diretor Raphael Gustavo da Silva.

Nesta mesma noite, antes da premiação acontecer foi exibido o longa-metragem Tatuagem, que se passa no ano de 1978, em Recife, onde o personagem Clécio é interpretador pelo ator Irandhir Santos, que coordena um cabaré intitulado Chão das Estrelas, um ambiente preenchido de anarquia, onde muitos artistas, intelectuais e público gay frequentam.

O debate após a exibição aconteceu com a presença do ator Irandhir Santos e do diretor Hilton Lacerda, que trouxeram diferentes perspectivas sobre a ficção e do quanto o filme foi considerado como uma previsão dos dias atuais, onde a censura ainda impera diante da comunicação brasileira em suas diferentes formas, música, cinema e cultura em geral.

Homenagem

O presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), Anivaldo Miranda, realizou uma homenagem ao ator Irandhir Santos, que durante sua atuação na novela Velho Chico, cujo qual interpretou o personagem Bento dos Anjos, pode defender e trazer novos significados ao Rio São Francisco.

“Irandhir desejamos que você e todo elenco da novela Velho Chico recebam essa homenagem do CBHSF. Vocês nos ajudaram a explicitar para opinião pública a situação dramática que o rio está vivenciando. Ele representa 70% da disponibilidade hídrica do Nordeste e ainda atende ao Norte de Minas Gerais. Ele é uma dádiva da natureza e precisamos preservá-lo. Irandhir o seu trabalho é importante para as futuras gerações, temos um compromisso com aqueles que sequer nasceram. Somos responsáveis pelo mundo que eles irão encontrar. Cultura faz parte da boa gestão dos recursos hídricos e o rio faz parte disso. Parabéns Irandhir, o Comitê é grato a você! Precisamos de cultura”, afirmou Anivaldo Miranda.

Tomado de grande comoção o ator Irandhir agradeceu a homenagem e trouxe uma reflexão inspiradora. “Sou grato por essa homenagem e acredito que só quem poderia mexer no São Francisco são aqueles que dele dependem, os ribeirinhos, índios e quilombolas, os quais compartilho essa homenagem. Precisamos cuidar do rio para que no futuro não possamos mais contemplá-lo e sentir toda a energia que ele nos espaço quando nos deparamos com sua beleza”, finaliza o ator.

Irandhir Santos, ator da novela Velho Chico, foi homenageado pelo CBHSF durante a premiação do Circuito Penedo de Cinema

Premiação

A noite foi finaliza com a premiação de todos os vencedores da Circuito Penedo de Cinema. Os filmes que passaram pela 4º Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental foram: A Piscina de Caíque (Goiás | Direção: Raphael Gustavo da Silva), Alternância (Bahia | Direção: Geilane de Oliveira), Amargo da Cana (Paraíba | Direção: Rosivan Pereira da Silva; Suellen Ramos da Silva; Wellington Faustino de Oliveira), Animais (São Paulo | Direção: Guilherme Alvernaz), Arrudas (Minas Gerais | Direção: Sávio Leite), Lameirão (São Paulo | Direção: Gabriel Coimbra, Rafael Rodrigues e Rodrigo Lacerda), Latossolo (Bahia | Direção: Michel Santos), Manancial (Paraíba | Direção: Bruno Soares), Marias (Goiás | Direção: Edem Ortegal), O Futuro a Deus Pertence? (Minas Gerais | Direção: Dêniston Diamantino) e Pedro e o Velho Chico (Minas Gerais | Direção: Renato Gaia).

Confira abaixo todos os vencedores do Circuito Penedo de Cinema:

4º Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental

Júri Popular: Pedro e o Velho Chico (Minas Gerais | Direção: Renato Gaia). Eles ganharam o troféu Canoa de Tolda, três mil reais em dinheiro e dois mil reais em serviços de Pós-Produção.

Júri Oficial:

3º lugar – Manancial (Paraíba | Direção: Bruno Soares) e Animais (São Paulo | Direção: Guilherme Alvernaz), ambos ganharam um certificado.

2º lugar – Latossolo (Bahia | Direção: Michel Santos), ganhou um certificado.

1º lugar – A Piscina de Caíque (Goiás | Direção: Raphael Gustavo da Silva), que levou para casa seis mil reais e dois mil reais em serviços de pós-produção da produtora Dot Cine

7º Festival de Cinema Universitário

Júri Popular: Desaparecido (São Paulo | USP | Direção: Guili Minki), ganharam o troféu Canoa de Tolda, mais cinco mil reais em dinheiro e dois mil reais em serviços de Pós-Produção da produtora Mistika Post.

Júri Oficial

Vencedor: Autofagia (Pernambuco | UPE | Direção: Felipe Soares), ganharam o troféu Conoa de Tolda, oito mil reais em dinheiro e dois mil reais em serviços de pós-produção cedidos pela produtora Dot.

O Júri decidiu entregar uma menção honrosa aos produtores dos filmes Solito (Rio Grande do Sul | PUC-RS | Direção: Eduardo Reis) e A Rua Das Casas Surdas (Rio Grande do Sul | PUC-RS | Direção: Flávio Costa e Gabriel Mayer).

10 Festival do Cinema Brasileiro

Júri Popular: Uma Balada para Rocky Lane (Pernambuco | Direção: Djalma Galindo), ganhou cinco mil reais em dinheiro e dois mil reais em serviços de pós-produção pela Mistika Post.

Juri Oficial:

3º lugar – Super Frente, Super-8 (Sergipe | Direção: Moema Pascoini) e Teresa (Alagoas | Direção: Nivaldo Vasconcelos).

2° lugar – Frequências (Pernambuco | Direção: Adalberto Oliveira)

1º Lugar – Quando Parei de me Preocupar com Canalhas (São Paulo/Goiás | Direção: Tiago Vieira), ganharam 10 mil reais em dinheiro e dois mil reais em serviços de pós-produção pela produtora Dot.

Veja as fotos da premiação

<a href="https://flic.kr/s/aHsm66pPnm" target="_blank">Click to View</a>

 

Por Vitor Luz

Fotos: Edson Oliveira

 

 

 

Outras notícias

21/11/2017

Beleza Pura

No norte de Minas, ainda desconhecidas do grande público, esconde-se uma das mais intrigantes paisagens da bacia do São Francisco: ...

Leia mais

21/11/2017

Chuvas dos últimos dias na bacia do São Francisco estão dentro da normalidade

O volume de chuvas na bacia do Rio São Francisco, especialmente na região do Alto, está dentro da normalidade para ...

Leia mais