Notícias

17/10/2017

Circuito Penedo de Cinema lança programação oficial

Evento visa permitir que as produções áudio visuais continuem ganhando força e possa democratizar o acesso aos interessados, estudiosos e admiradores da arte cinematográfica

Na noite da última segunda-feira (16 de outubro), o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) participou do lançamento da programação oficial do Circuito Penedo de Cinema, que aconteceu no Centro Cultural Arte Pajuçara, em Maceió (AL). Na oportunidade os expectadores e amantes da arte áudio visual puderam conferir as novidades desta nova edição do circuito e apreciar de forma gratuita os três filmes vencedores em 2016.

O Circuito Penedo de Cinema vai acontecer no período de 6 a 11 de novembro em Penedo (AL) e reunirá o 10º Festival do Cinema Brasileiro de Penedo; o 7º Festival de Cinema Universitário de Alagoas e a 4ª Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental. Com abrangência nacional, toda essa programação cultural é promovida por instituições públicas e privadas.

Na edição de 2017, o Circuito vai contar com uma programação especial! Confira quem já confirmou presença: Cineasta Doc Comparato (Master Class), Clarisse Abujamra (Como nossos pais), Presidente da Ancine Debora Ivanov, Ator Irandhir Santos (Tatuagem) e o Cineasta Hilton Lacerda (Master Class). Os filmes mais esperados para os dias em Penedo são: Como Nossos Pais, Tatuagem, Lamparina da Aurora e Joaquim.

Durante a noite de lançamento foram exibidas as produções de curta metragem vencedoras na edição de 2016: Diva, de Clara Bastos; Tarja Preta, de Márcio Farias; e Eu Queria Ser Arrebatada, Amordaçada e, Nas Minhas Costas, Tatuada, de Andy Malafaia.

O presidente do CBHSF Anivaldo Miranda ressaltou a importância da preservação do Rio São Francisco e do empoderamento dos valores e cultura. “O comitê da bacia é uma criação nova em nosso país que trabalha em muitas frentes e patrocina eventos como esses com os recursos da cobrança pelo uso da água do Rio São Francisco. Há uma tendência de tratarmos os rios como canais de cimento, mas o rio é um ecossistema, é um elemento fundamental para estabilidade emocional da sociedade, ele é um patrimônio paisagístico, berçário de vida. Fazer cultura é fazer gestão sustentável por uma política pública que garanta água de qualidade, que garanta a riqueza do imaginário do nosso povo”.

“Em meio à crise em que o país passa aUniversidade Federal de Alagoas (Ufal) responde a ela realizando a 8ª Bienal do Livro e agora o Circuito Penedo de Cinema. Reagimos mostrando que a cultura e o conhecimento são pilares fundamentais para o desenvolvimento do Brasil. A Universidade cumpre sua missão e deseja dias de glórias a cidade de Penedo”, destaca a reitora da Ufal Valéria Correia.

Quem marcou presença na noite de lançamento foi a reitora da Ufal, Valéria Correia, a pró-reitora de Extensão da Ufal, Joelma de Oliveira Albuquerque, o presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda, o prefeito da cidade de Penedo, Marcius Beltrão, o diretor do Centro Cultural Arte Pajuçara, Marcos Sampaio, o coordenador-geral do Circuito Penedo de Cinema, Sérgio Onofre, produtores culturais da cidade de Penedo e a comunidade acadêmica da Escola Municipal Orlando Araújo.

 

Confira as fotos do lançamento

Premiação

Todas as obras cinematográficas que foram inscritas e selecionadas estão concorrendo a R$ 37 mil em prêmios. Os trabalhos serão avaliadas pelos Júris Oficial e Popular, que são responsáveis por conceder a quantia de R$ 3 mil a melhor produção da Mostra Velho Chico e os prêmios de R$ 5 mil aos melhores filmes dos festivais Brasileiro e Universitário.

O Júri Oficial concederá os valores de R$ 6 mil e R$ 8 mil aos vencedores da Mostra Ambiental e do Festival Universitário, respectivamente. Já o melhor filme do Festival Brasileiro receberá o maior prêmio, no valor de R$ 10 mil.

Retrospectiva

Na última edição do festival a sala de exibições foi montada em praça pública oferecendo quase 500 lugares e durante algumas sessões ela precisou ser fechada, pois havia atingido a lotação máxima. Agora em 2017, a organização vai oferecer uma estrutura ainda maior, para que mais expectadores possam prestigiar o evento.

Durante seis anos o Festival de Cinema Universitário de Alagoas, que sempre aconteceu em Penedo, realizou uma programação distinta e repleta de grandes produções. Em 2016 ele trouxe de volta o Festival Brasileiro de Cinema, que era realizado há três décadas, elevando a cidade histórica a protagonista do cinema nacional. Com a realização desses dois eventos simultaneamente eis que surgiu a marca do “Circuito Penedo de Cinema”, trazendo consigo a Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental e o Encontro de Cinema.

Quem marcou presença na edição de 2016 foi Bianca Comparato, a protagonista da primeira série brasileira original Netflix, a 3%, que aproveitou a oportunidade para bater um papo com os realizadores e o público de Penedo. Passava também pela cidade ribeirinha a atriz brasileira Alice Braga, protagonista da série Queen of South (Rainha do Sul, título na Netflix), do canal americano USA Network, que agora exibe a sua segunda temporada.

Realização

O Circuito Penedo de Cinema é realizado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas (Secult), e pelo Instituto de Estudos Culturais, Políticos e Sociais do Homem Contemporâneo (IECPS), com patrocínio do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) e da Prefeitura de Penedo.

 

Por Vitor Luz

Fotos: Edson Oliveira

Compartilhe:

Outras notícias

11/12/2018

CBHSF entrega mais seis planos municipais de saneamento no Baixo São Francisco

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) continua com sua agenda de financiamento e entrega de planos ...

Leia mais

11/12/2018

CBHSF, Sesai e AICKX assinam termo de cooperação que levará obra para comunidade indígena de Porto Real do Colégio

O Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco, os representantes da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) e as lideranças ...

Leia mais